6 erros na alimentação que prejudicam o ganho de massa muscular

Os benefícios do ganho de massa muscular vão muito além da estética, pois  quanto maior o aumento da massa muscular, mais acelerado será o seu metabolismo, o que impacta positivamente todas as funções fisiológicas do organismo: do sono a eliminação de gordura corporal e controle do colesterol.

Mas, diferentemente do que muita gente pensa, a gordura não é capaz de se transformar em músculo e vice-versa. Ou seja, emagrecer não implica necessariamente ganho de músculos.  Na verdade, são dois processos diferentes, e os estímulos que levam a cada resultado são distintos,  pois queimar calorias exige um aumento do metabolismo de todo o corpo, que usa o seu combustível para remover a gordura estocada. E isso acontece com os exercícios aeróbicos.

De acordo com diversos especialistas, todas as pessoas têm condições de ganhar massa muscular, mas não na mesma intensidade, pois existem diferenças genéticas que aumentam ou diminuem a propensão a ganhar músculos. A genética de cada um leva a resultados diferentes, mesmo que dois indivíduos sigam o mesmo programa de treinamento.

alimentos para ganho de massa muscular

Mas, além de praticar musculação para aumentar a massa muscular, é fundamental ter uma alimentação adequada, mas muitas pessoas  cometem alguns erros que acabam prejudicando todo o treinamento.

  • Alimentação monótona – Pouca variedade de alimentos nutritivos, ao invés disso, as dietas são constituídas por calorias vazias, pouca proteína e poucas gorduras boas.
  • Excesso de alimentos ruins – Isso é muito comum… pessoas que querem ganhar massa muscular, muitas vezes saem por aí comendo de tudo: massas, doces, refrigerantes, bolachas, frituras e etc. – achando que com isso irão ganhar massa magra de qualidade.
  • Não comer a cada 3 horas – Esse é um erro fatal: quem não come frequentemente ao longo do dia, terá a circulação de aminoácidos anabólicos (e outros nutrientes) prejudicada, retardando a formação de novos tecidos.
  • Alimentação incorreta pré e pós treino – Se a alimentação pré e pós treino forem incorretas, a energia e força para o treino serão prejudicadas, assim como a recuperação muscular.
  • Café da manhã deficiente – O café da manhã é essencial ao organismo para acelerar o metabolismo logo ao acordar e iniciar o processo de formação de tecidos, aceleração do metabolismo e bloqueio do catabolismo noturno.
  • Baixa ingestão de líquidos – Um corpo desidratado não tem tanta energia para treinar, recuperar e/ou realizar reações químicas.

Para o leigo, a primeira vista, parece realmente muito complicado não cometer os erros na alimentação que prejudicam o ganho de massa muscular. A sorte é que a atleta e nutricionista Giovana Guido preparou um livro de receitas para facilitar a vida de todo mundo. São 100 receitas para que você nunca mais fique enjoado de sua dieta novamente. As receitas são bem flexíveis e podem ser usadas a qualquer momento do dia.

Se o seu objetivo é ganhar massa muscular, o livro da Giovana é imprescindível.

divulgacao_100_receitas_massa_muscular

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *